quarta-feira, 21 de maio de 2008

Palestra

Luiz Eduardo Soares proferiu ontem palestra sobre Segurança Pública: Diagnósticos e Perspectivas, no auditório da Faculdade Baiana de Direito. Resumidamente, pode-se dizer que a abordagem foi voltada para a análise do quadro atual observando os problemas e dificuldades, elencados em breves tópicos abaixo:

- Afastamento e falta de comunicação entre áreas de saúde, educação, meio ambiente etc;
- Necessidade de criação de um programa de integração para solucionar a fragmentação histórica;
- 45000 homicídios dolosos por ano no país, crime considerado mais grave por atentar contra a vida;
- Tratamento irresponsável da mídia, nem todos estão expostos ao mesmo risco na sociedade, as vítimas predominantes são jovens negros pobres da periferia;
- "O Estado é também perpetrador de crimes" Ex: extrapola penas através da falta de condições, exposição a risco, também através das policias que matam;
- Maioria das mortes provocadas por policiais no Rio de Janeiro com características de execução nos últimos anos;
- Apesar das boas mudanças da Constituição Federal de 1988, as polícias pouco modificaram, mantendo as estruturas Civil e Militar;
- "As atuais polícias não cumprem os mandamentos constitucionais", não atendem às expectativas da sociedade, desrespeitam seus profissionais e os direitos humanos;
- Incapacidade de compreender os problemas, aplicando soluções paliativas, como mudanças em leis específicas decorrentes de casos em destaque na imprensa;
- Exemplo da PCERJ que forma agentes em 1 mês e PMERJ que forma soldados em 8 meses, cada um conforme suas tradições, faltam plataformas comuns para trocar informações;
- "A Polícia Civil é um arquipélago de unidades distritais";
- É errado imputar responsabilidade individual aos policiais;
- Nenhuma polícia no Brasil se avalia, condenando-se a repetir fracassos do passado;
- 550 mil profissionais armados no país;
- Repetição crescente das mesmas práticas sem sucesso, ainda que com tantos combates e mortes, cresce o tráfico;
- Jovens atraídos, vítimas de "invisibilidade" ou preconceito em busca de inclusão;
- Favorável à legalização das drogas, que estão facilmente à disposição das pessoas no país e no mundo, apesar do combate.
Basicamente foram estes os pontos abordados pelo palestrante diante de uma platéia onde predominavam mulheres, grande parte constituída de estudantes de direito e pessoas de camadas sociais mais elevadas. Oportuno o conhecimento da visão do especialista e das propostas de solução, falta um representante à altura para tratar do tema com foco na Bahia.

4 comentários:

Pracinha da PM disse...

Luiz Eduardo Soares tem até algumas idéias interessantes. Entretanto, ele adora criticar ações policiais, sobretudo acusando uso excessivo da força e tortura. Ela já exerceu alguns cargos importantes relacionados à Segurança Pública, por que, então, ele não implementou seu discurso? Por que ele não deu aumento significativo ao policiais? Ele quer mais é se promover, dar uma de sabidão. Só fala aquilo que já virou clichê, ou simplesmente expõe sua opinião.

http://www.blitzpolicial.blogspot.com disse...

É bem verdade que muita gente se sustenta falando de segurança pública, e a solução está na ponta da língua: aumentar o policiamento, melhorar a formação, investir em inteligência... Assim qualquer um é capaz, precisamos de medidas mais concretas e palpáveis, coisa que pouca gente propõe.

Daniel Abreu disse...

Que fique claro que não estou aqui pra defender ninguém, mas trago ao amigo(a) a resposta a suas perguntas.

"Ela já exerceu alguns cargos importantes relacionados à Segurança Pública, por que, então, ele não implementou seu discurso? Por que ele não deu aumento significativo ao policiais? Ele quer mais é se promover, dar uma de sabidão. Só fala aquilo que já virou clichê, ou simplesmente expõe sua opinião."

Acoselho que leia o livro: Segurança tem saída.

Nele Luis Eduardo explica os impedimentos que a política impõe para quem quer realmente "trabalhar".

Anônimo disse...

Vamos esperar nossos hermanos yanks militarizarem suas policias e depois vamos lá dar umas aulinhas para eles de má gestão e de falta de profissionalismo, quem sabe eles não aprendem alguma coisa com agente!!!rsss

 
BlogBlogs.Com.Br

'Digite seu e-mail:'

Fornecido por FeedBurner