terça-feira, 17 de fevereiro de 2009

Planejamento

A maioria da população não faz ideia da magnitude que alcança o planejamento da Polícia Militar da Bahia para o Carnaval, se desdobrando nos níveis estratégico, tático e operacional. Aliás, muitos dos elementos de execução da própria corporação desconhecem a dimensão da amplitude colossal do emprego da tropa na folia. São 3 circuitos, envolvendo vários bairros e longos quilômetros, sem esquecer das vias de acesso, escoamento e adjacências relacionadas à festa, sem contar os tantos carnavais de bairro, e ainda os simultâneos em tantas outras cidades do interior. Milhares de homens empregados naquela que, decerto, é a maior operação militar do mundo para fins distintos da guerra. Dura 7 dias consecutivos e ininterruptos, onde o policiamento é montado através de bases de apoio em quartéis, alojamentos em unidades, pontos de reunião de tropa próximos aos circuitos, postos policiais em apoio por toda área, além dos PEOs em meio às ruas. A logística é fenomenal, transporte para milhares de combatentes ao longo de todos os dias e noites, suprimento de água e alimentação suficiente ao efetivo, todo aparato tecnológico necessário, rádios, câmeras, detectores de metal, equipamentos como bastões, capacetes, Taser e armas de fogo, instruções prévias, ocupação de cada área, cada esquina ou beco, de poste a poste, e uma incontável conjunção de esforços, recursos e ações que resultam na excelência do serviço prestado no evento especial mais atípico do mundo, onde a tendência à libertinagem, beirando a promiscuidade, passando até pelo entorpecimento, ao som de batidas frenéticas e intensas, forma um grande quadro de crise a ser gerenciada com primor pela gloriosa corporação que exatamente hoje completa 184 anos. Parabéns a todos nós!

Um comentário:

Na Moita disse...

Gostaria de felicitar os colegas, mas quando me lembrei de quanto ganhamos ..., ÚLTIMA FORMA ) !!!

 
BlogBlogs.Com.Br

'Digite seu e-mail:'

Fornecido por FeedBurner